homeopatia Unicista

Baseado no estímulo da força vital de cada indivíduo tornando o tratamento mais rápido e imediato em relação a tratamentos comuns.

Homeopatia

A Homeopatia é um sistema terapêutico baseado no princípio dos semelhantes que cuida e trata de vários tipos de organismos (homem, animais e plantas) usando medicamentos preparados por uma técnica especial, a partir de plantas, animais, minerais e diferentes substâncias químicas.

 

Energia Vital

Todos os seres vivos apresentam uma espécie de força organizadora que ajuda a manter os vários tipos de organismos em estado mais ou menos saudável. A perturbação desta unidade organizada pode ser a primeira etapa de uma enfermidade. Podemos chamar de energia vital, mas podemos também chamá-la de força que mantém nossa saúde em dia.

 

Doenças de acordo com a filosofia da homeopatia

As doenças possuem, geralmente, um curso ou caminho que depende de cada indivíduo e possuem duração também variável. Cada indivíduo tem sua própria maneira de adoecer, bem como, seu órgão de choque principal. Isto quer dizer que cada um adoeçe de um jeito, diferente dos outros. E mesmo que o nome da doença seja o mesmo repare só que, nos detalhes, cada sintoma é diferente em cada pessoa.

 

Doenças Agudas

As doenças agudas são aquelas que aparecem de repente e podem ser causadas por acidentes, agentes tóxicos ou ataques de parasitas, bactérias ou vírus. Apesar de serem provocadas por agentes externos, elas podem e devem ser tratadas com medicamentos homeopáticos.

 

Doenças Crônicas

Doença é um conjunto de alterações anatômicas e funcionais de nosso corpo(organismo) que reaje contra algum incômodo. As doenças crônicas são aquelas cujos sintomas demoram a aparecer e apresentam um curso mais lento do que o das doenças agudas. Ex: câncer, úlceras, insuficiências renais, insuficiências cardíacas, etc.

A doença crônica apresenta o seguinte curso: dos sintomas gerais e pouco definidos(mal estar, indisposição, alteração de várias funções) ela pode ou não agredir para perturbações mais nocivas como distúrbios fisiológicos, tais como: vômitos, pressão alta, febre etc. Numa etapa muito posterior é que vemos aparecer sintomas físicos mais graves e que revelam as lesões patológicas.

De um modo geral, a doença crônica caminha de fora do corpo para dentro, de baixo para cima e dos órgãos menos importantes para os mais importantes.
Ex: Alguns indivíduos adoecem na pele. Ao tratar sua pele, a doença caminha para os órgãos do sistema respiratório. É comum que as pessoas realizem procedimentos cirúrgicos em uma parte do corpo e, posteriormente, aparecem problemas semelhantes em órgãos mais importantes. Isso significa que a doença está se aprofundando e piorando. Sempre esta decisão requer um profissional treinado para poder orientar corretamente a pessoa. Supressão Quando uma doença é eliminada por medicamentos ou cirurgicamente, sem levar em consideração a totalidade dos sintomas e o modo como a pessoa vive, ela corre o risco de supressão. Isto é, a doença pode se aprofundar naquele organismo.

 

Medicamentos homeopáticos

Considerando-se que cada indivíduo tem sua “energia vital” ou sua “força de saúde” e cada um tem seu órgão de choque específico, além de uma própria maneira de adoecer, pode-se afirmar que ele tenha, também, seu medicamento homeopático específico. Não para a doença, mas para todo o seu corpo e sintomas. Este medicamento pode devolver a saúde, melhorando muito seu mal estar e aqueles sintomas fisiológicos, isto é, aqueles que mudaram para pior o funcionamento do seu corpo. Muitas vezes, o tratamento pode também reverter lesões físicas que estão avançadas, mas ainda estão curáveis.

 

Tempo e duração

Muitas pessoas acreditam que o medicamento homeopático único do indivíduo demora a fazer efeito, mas este é um erro que precisa ser esclarecido. O remédio homeopático contém uma informação, como quando você coloca um DVD no computador ou baixa um arquivo da Internet, adicionando ou atualizando seu computador. Esta informação dos medicamentos homeopáticos, assim como muitas “energias” como a solar, elétrica, cósmica, nuclear, etc., começa a agir, imediatamente após sua introdução na pessoa. Que pode ser via oral(qualquer mucosa), por olfação(nasal) ou esfregando na pele. O que se pode dizer é que a “energia” contida no medicamento homeopático tem uma ação muito ampla dentro do corpo do indivíduo. Este fato pode dar a falsa impressão de que ela não está agindo. Portanto, a pessoa deve se observar em tudo, todos os dias. Isso é muito importante.

 

Consulta homeopática

Como o tratamento homeopático exige uma pesquisa profunda para se encontrar o medicamento mais adequado para o indivíduo é necessário que se faça uma consulta completa e detalhada, quanto se procura conhecer os sentimentos importantes do indivíduo e seu comportamento, assim como seu meio ambiente. Além disso, um exame físico completo é sempre recomendável e às vezes, alguns exames de laboratório são pedidos. Importante também é o acompanhamento clínico periódico, que objetiva verificar o caminho o caminho da da doença física e suas lesões e o efeito do medicamento único, a curto e em longo prazo.

 

Tratamento homeopático

A ingestão de medicamento homeopático depende sempre do estado clínico do paciente, por isso não se deve tomar ou repetir doses sem autorização do profissional homeopata. Condena-se a auto-medicação e a indicação de medicamentos homeopáticos por pessoas não habilitadas para os procedimentos acima citados, pois para prescrever medicamentos ou fazer diagnósticos é preciso ter formação técnica e profissional adequadas.

Como o tratamento homeopático exige uma pesquisa profunda para se encontrar o medicamento mais adequado para o indivíduo é necessário que se faça uma consulta completa e detalhada, quanto se procura conhecer os sentimentos importantes do indivíduo e seu comportamento, assim como seu meio ambiente. Além disso, um exame físico completo é sempre recomendável e às vezes, alguns exames de laboratório são pedidos. Importante também é o acompanhamento clínico periódico, que objetiva verificar o caminho o caminho da da doença física e suas lesões e o efeito do medicamento.

Qual é a diferença entre a Homeopatia e a Alopatia?

A Alopatia utiliza como preceito o tratamento pelos contrários,ou seja,seu medicamento é dirigido para combater a doença não levando em conta a individualidade e a Homeopatia utiliza o preceito de que o semelhante cura o semelhante,o enfoque é o doente como um todo,físico e mental e não a doença. É estimulado a força vital individual a reagir contra tudo que está em desarmonia , a doença que está naquele doente.

É possível tratar todas as doenças com a Homeopatia?

Como o enfoque da Homeopatia é o doente,estimulando a força vital individual a reagir,então tudo o que ele apresenta de desequilíbrio (doenças) é passível de ser tratado com a Homeopatia.

O tratamento com a Homeopatia é demorado?

Este é um mito que tem que ser esclarecido. A Homeopatia não demora,ao contrario do que muitos pensam,ela é muito rápida pois como o tratamento é individual e uma vez acertado o medicamento constitucional ou Simílimo correto o estímulo da força vital é imediato fazendo o indivíduo reagir assim que toma o seu medicamento,buscando um equilíbrio desta força e provocando já o processo de cura. O que pode acontecer, às vezes, é a demora no acerto do medicamento constitucional individual e assim não movimentar a força vital de imediato no seu todo,mas estando com o medicamento certo a ação é imediata.

Como é feita a escolha do medicamento Homeopático?

Através de uma consulta completa onde o médico homeopata vai conhecer o indivíduo que apresenta a doença, suas características natas mentais, físicas, gerais e particulares e as alterações no quadro da doença, individualizando, assim o médico homeopata vai escolher, através da Matéria Médica homeopática, o medicamento mais semelhante à história do paciente e de sua doença estimulando assim sua força vital individual imediatamente.

Como saber que um medicamento homeopático é semelhante?

Os medicamentos homeopáticos são administrados no homem são no que provoca uma série de sintomas particulares daquela droga no indivíduo e todos estes sintomas são anotados e catalogados fazendo o que nós chamamos de Matéria Médica Homeopática e assim esta patogenesia (experimentação no homem são) nos guia entre todos os medicamentos experimentados qual é o mais semelhante aos sintomas que o paciente em particular apresenta e assim pela semelhança nós escolhemos o medicamento mais adequado.

A Homeopatia tem contra-indicação?

Não. A homeopatia bem aplicada é indicada para todas as doenças e todos os indivíduos. A Homeopatia é dirigida ao doente e não a doença.

A Homeopatia tem efeitos colaterais?

A Homeopatia praticada por um bom médico homeopata, preparado para tal, se preocupará com o acerto do medicamento mais semelhante, pois o medicamento mal escolhido pode trazer consequências desastrosas através de uma supressão da doença ou deslocar esta doença para outros órgãos e o que é pior, pode provocar uma patogenesia, ou seja, o indivíduo apresentar os sintomas daquele medicamento em particular,que não tem nada a ver com o individuo, alterando tanto o físico como o mental. Portanto, jamais a pessoa deve se automedicar com os medicamentos homeopáticos. Um bom médico homeopata sempre saberá o que é o melhor para o indivíduo.

O que é Homeopatia Unicista?

É a escola da homeopatia que trata o indivíduo como um todo e com medicamento único de cada vez. O enfoque é o doente e não a doença isoladamente.

A Clínica Maurício Freire nasceu com uma visão integrativa baseada em agregar vários conhecimentos em prol do ser humano. A CLIHOM-N nasceu com o intuito de prevenir e tratar todas as alterações clínicas masculinas, desde o jovem até o idoso da forma mais natural possível.

CRM-SP: 62.450

Limeira / SP

Rua Santos Dumont, 389, Cidade Jardim.

Tel.: (19) 3442-6687 | 3441-1395

WhatsApp: (19) 98139-1215

w

Redes Sociais

Cadastre-se e receba novidades!